Como tirar manchas do rosto de melasma, sol, espinha e mais: melhores tratamentos



Oats.chumnak/shutterstock

Avanço da idade, exposição ao sol, presença de espinhas, variação hormonal, enfim, são bastante variadas as possíveis causas de manchas na pele do rosto. E para cada tipo existem tratamentos específicos que ajudam a amenizar e eliminar as marcas na cútis.

Mancha de melasma

Ngukiaw/ShutterStock

Caracterizado pelo surgimento de manchas escuras na pele, o melasma é uma condição sem cura, mas que pode ser tratada e amenizada. As manchas de melasma, segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia, aparecem mais em mulheres do que em homens e, além dos fatores hormonais e da exposição aos raios solares, a predisposição genética também influencia em seu aparecimento.

Como tirar

Cremes

Os cremes mais indicados para tratar o melasma são os baseados em hidroquinona, ácido glicólico, ácido retinoico e ácido azeláico. Os resultados demoram cerca de dois meses para começarem a aparecer e podem variar de acordo com o paciente. Outros ativos utilizados no tratamento são: arbutin, ácido kójico, ácido fítico, ácido tranexâmico e ácido dióico.

Geinz Angelina/shutterstock

Nutricosméticos

O tratamento baseado em nutricosméticos consiste no uso de suplementos para suprir carências de vitaminas e minerais importantes para a saúde da pele, que podem estar ausentes na alimentação. O ácido tranexâmico, por exemplo, inibe substâncias que causam o escurecimento da pele.

Peeling

Os peelings, superficiais ou que atingem camadas mais profundas da pele, podem clarear a cútis de forma gradual e até mais rapidamente do que os cremes. Consultar um dermatologista é fundamental na hora de escolher o método mais adequado para seu caso.

Laser

O tratamento deve ser realizado com cuidado e apenas por um profissional habituado às fontes de energia luminosa, como o dermatologista, para não gerar mais pigmentação na pele com melasma.

George Rudy/Shutterstock

Receitas caseiras

De acordo com a esteticista Patricia Elias, receitas à base de arroz e leite ou vinagre de maçã e cebola podem combater o melasma. Ingredientes como o arroz e o leite, por exemplo, são ricos em ácidos kójico e lácteo, respectivamente, que têm efeito clareador que ajudam na redução das manchas. Já o vinagre de maçã tem ação anti-inflamatória e cicatrizante, trazendo também o alfa-hidro-ácidos, que ajudam a tratar o problema.

Suco contra melasma

Suco de romã pode ser um remédio natural para tratar melasma, já que a bebida é rica em ácido elágico, que além de atuar como antioxidante agindo contra o estresse oxidativo e os danos causados pelos raios UV, ainda inibe a enzima de produção da melanina, substância que pigmenta a pele e inibe a proliferação de melanócitos, explica a nutricionista funcional Patricia Davidson Haiat.

Mancha de sol no rosto

lavizzara/Shutterstock






Escuras e de coloração entre castanho e marrom, as melanoses solares são manchas que aparecem gradativamente com o tempo, principalmente nas áreas expostas da pele, como rosto, dorso das mãos e dos braços, o colo e os ombros.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia, a melhor forma de evitar este tipo de mancha na pele é usar regularmente o protetor solar. Essas lesões são benignas e não evoluem para o câncer da pele, entretanto, recomenda-se avaliação diferenciá-las de lesões suspeitas, que merecem uma análise mais detalhada.

Como tirar

Peeling de cristal

Consiste na microdermoabrasão da pele por meio de cristais de hidróxido de alumino. A técnica destrói a camada externa da cútis, eliminando a pele morta. Com isso, a penetração dos produtos (tanto aqueles aplicados em casa como os utilizados pelo profissional durante o procedimento) é aumentada, potencializado sua ação.

Africa Studio/Shutterstock

Peeling químico

Com a ajuda de um pincel ou gaze, é aplicado um esfoliante químico na pele, provocando sua descamação e obrigando o organismo a produzir uma "nova pele", com aspecto renovado.

Laser de CO2 fracionado

O laser atinge as camadas mais profundas da pele, provocando a retração do colágeno. O método renova a pele e, consequentemente, ameniza as manchas. Geralmente, são indicadas duas sessões, com intervalo de um mês entre elas.

Plataforma XEO

O tratamento reúne três tipos de lasers em uma mesma aplicação, atingindo as três camadas da pele (epiderme, derme papilar e derme reticular), o objetivo de clarear e rejuvenescer a pele, removendo manchas.

Mancha no rosto de espinha

Geinz Angelina/shutterstock

As manchas das espinhas são causadas por uma inflamação chamada hipercromia pós-inflamatória, que acaba sendo agravada pela manipulação das lesões, ou seja, quando a espinha é espremida ou pela exposição solar, explica a dermatologista Karina Nunes, da Innove Clinic, em São Paulo.

Como tirar

Peeling de cristal

Assim como no caso de manchas de sol, as marcas deixadas pelas espinhas também podem ser eliminadas com o procedimento de microdermoabrasão da pele por meio de cristais de hidróxido de alumino.

Laser de CO2 fracionado

O procedimento estético atinge as camadas mais profundas da pele, provocando a retração do colágeno e renovação da pele, o que ameniza as manchas de acne.

Lukas Gojda/Shutterstock

Gel de babosa

Por ter propriedades antibióticas naturais, o gel de babosa, aplicado diretamente sobre a inflamação, ajuda a eliminar as manchas de acne. Segundo a dermatologista Elizette Kaffer, da Clínica Shalon de Campinas (SP), a aplicação da babosa na pele tem efeito curativo, cicatrizante, hidratante, secante e clareador devido ao seu papel antioxidante.

Água de arroz

De acordo com a dermatologista Christiane Gonzaga, membro das Sociedades Americana e Brasileira de Dermatologia, um bom produto caseiro para clarear a pele é água de arroz. O ácido kojico, substância clareadora presentes em muitos cremes, vem justamente do alimento. A profissional ensina o passo a passo de como fazer a solução e a forma certa de usar.

Adapaleno

O medicamento em forma de creme é um modulador da diferenciação celular, queratinização e processos inflamatórios que atua na redução de manchas e lesões provocadas por cravos e as espinhas.

Manchas na pele






(Visto em Vix)

Compartilhe!