Britney Spears surge radiante ao lado do namorado Sam Asghari e revela se voltará a se apresentar!



Esse momento é nosso! Nesta sexta-feira (17), Britney Spears surgiu radiante e – aparentemente saudável – junto ao namorado Sam Asghari para um dia de compras em Thousand Oaks, Califórnia. Acompanhada por paparazzi, a diva foi questionada enquanto seguia rumo ao próprio carro se voltaria a se apresentar nos palcos. “Claro“, respondeu Britney de forma natural, pouco antes de entrar no veículo.

A pedido dos fotógrafos, Spears ainda mandou uma mensagem aos seus milhões de fãs: “Eu amo vocês!“. Britney parecia feliz e até se divertiu quando um dos profissionais caiu no chão, sendo levantando por Sam. A Princesinha do Pop usava um look bem próprio, blusinha, deixando a barriga à mostra, calça jeans de cintura baixa e um de seus indefectíveis tamancos. Spears fez o passeio de mãos dadas com o mozão, que por sua vez carregava as compras. Confira o vídeo e as fotos:

Os rumores de que a cantora poderia nunca mais se apresentar ganharam força no início da semana quando seu empresário de longa data Larry Rudolph concedeu uma entrevista ao TMZ. Na ocasião, ele disse achar que Britney não deveria retomar os planos da residência de shows em Las Vegas, cancelada em fevereiro. “Como a pessoa que guia sua carreira, com base nas informações que eu e todos os profissionais que trabalham com ela estão recebendo sobre o que é necessário, está claro para mim que ela não deveria voltar a fazer essa residência em Las Vegas, nem em um futuro próximo e, possivelmente, nunca mais“, comentou.

No verão passado, quando queria fazer uma turnê, ela me ligava todos os dias. Ela estava animada, mas, agora, não me liga há meses. Ela claramente não quer se apresentar agora“, opinou. “Eu não quero que ela trabalhe de novo até que esteja pronta, fisicamente, mentalmente e apaixonadamente. Se esse tempo nunca mais voltar, nunca mais voltará. Não tenho desejo ou habilidade de fazê-la trabalhar de novo. Só estou aqui para ela quando quiser trabalhar. E, se ela quiser trabalhar de novo, estou aqui para lhe dizer se é uma boa ideia ou uma má ideia”, concluiu Larry na quarta-feira (15).

Britney Spears e Larry Rudolph em Las Vegas. (Foto: Getty)

As declarações do empresário, no entanto, acabaram distorcidas por alguns veículos e deixaram os fãs de Spears apavorados com a possibilidade da diva nunca mais se apresentar. Diante da repercussão, Larry tratou de esclarecer a celeuma em comunicado enviado à revista People no dia seguinte. “Outras fontes de mídia parecem estar pegando minhas citações para o TMZ, dizendo que Britney nunca mais trabalhará. Não foi isso que eu disse. Eu acabei dizendo que a residência em Las Vegas está oficialmente cancelada e que ela não me liga há meses para falar sobre fazer alguma coisa, então não tenho certeza ‘se’ ou ‘quando’ ela vai querer trabalhar de novo. É tão simples”, escreveu.

Entenda o caso

Em 4 de janeiro, Britney Spears utilizou sua conta no Instagram, para anunciar o cancelamento dos shows da “Domination”, sua nova residência em Las Vegas, prevista para começar no mês seguinte. Na época, a cantora lamentou e alegou como motivo, a piora do estado de saúde do pai, que teve o cólon rompido no final do ano passado. “É importante sempre colocar a família antes… e essa é a decisão que eu tive que tomar. Alguns meses atrás, meu pai foi hospitalizado e quase morreu. Nós somos tão gratos que ele tenha sobrevivido, mas ele ainda tem uma longa estrada a percorrer. Eu tive que tomar a difícil decisão de colocar todo meu foco e energia na minha família”, explicou.







View this post on Instagram






I don’t even know where to start with this, because this is so tough for me to say. I will not be performing my new show Domination. I’ve been looking forward to this show and seeing all of you this year, so doing this breaks my heart. However, it’s important to always put your family first… and that’s the decision I had to make. A couple of months ago, my father was hospitalized and almost died. We’re all so grateful that he came out of it alive, but he still has a long road ahead of him. I had to make the difficult decision to put my full focus and energy on my family at this time. I hope you all can understand. More information on ticket refunds is available on britneyspears.com. I appreciate your prayers and support for my family during this time. Thank you, and love you all… always.

A post shared by Britney Spears (@britneyspears) on

No início de abril, Britney foi internada numa clínica psiquiátrica, onde ficou por quase um mês para cuidar da saúde mental, a priori desgastada pelos problemas enfrentados por seu pai. Parte dos fãs, no entanto, acreditava que a Princesinha do Pop teria sido hospitalizada à força pelo próprio Jamie Spears, dando início a um movimento batizado de ‘Free Britney’.

O pai de Britney tem controle sobre a carreira da cantora desde 2008, época em que ela também passou por problemas de saúde mental. Ele se tornou o único responsável por Britney, após o advogado Andrew Wallet se demitir em março. Jamie tem o poder de agir como o guardião legal da artista, tomando decisões que vão desde suas finanças até sua vida pessoal – como, por exemplo, se ela pode se casar ou não.

De acordo com acordo com o TMZ, recentemente, teria havido problemas na mudança de medicamentos de Britney. Primeiro, os especialistas precisavam tirar da cantora, os remédios que ela estava tomando — algo que não pode ser feito de forma abrupta. Durante o processo, eles criaram um novo coquetel, que deixou Britney instável, inicialmente, e não disposta a cooperar com os médicos. Assim, ela foi internada em uma clínica psiquiátrica. De acordo com os relatos, os médicos acharam que finalmente encontraram a mistura certa de remédios.

Então, Britney deixou a clínica na última semana de abril acompanhada pelo namorado, Sam Asghari. Ao ver a preocupação dos fãs de que ela teria sido internada contra sua vontade, a loira publicou um vídeo em suas redes sociais na noite do dia 23, se manifestando sobre a repercussão. “Minha família tem passado por muito estresse e ansiedade ultimamente, então eu só precisava de tempo para lidar com isso. Mas não se preocupem, estarei de volta muito em breve“, informou a cantora no registro. Confira:







View this post on Instagram

I wanted to say hi, because things that are being said have just gotten out of control!!! Wow!!! There’s rumors, death threats to my family and my team, and just so many things crazy things being said. I am trying to take a moment for myself, but everything that’s happening is just making it harder for me. Don’t believe everything you read and hear. These fake emails everywhere were crafted by Sam Lutfi years ago… I did not write them. He was pretending to be me and communicating with my team with a fake email address. My situation is unique, but I promise I’m doing what’s best at this moment 🌸🌸🌸 You may not know this about me, but I am strong, and stand up for what I want! Your love and dedication is amazing, but what I need right now is a little bit of privacy to deal with all the hard things that life is throwing my way. If you could do that, I would be forever grateful. Love you ❤️❤️❤️

A post shared by Britney Spears (@britneyspears) on

O caso, no entanto, ganhou uma nova reviravolta… Na última segunda-feira (13), o TMZ informou que Britney Spears teria se juntado ao movimento das redes sociais que pede para libertá-la da tutela de seu pai, Jamie Spears. De acordo com a reportagem, a cantora teria feito esse pedido quando esteve no tribunal na sexta (10), alegando que o pai a internou contra sua própria vontade e a obrigou a tomar remédios. O site também informou que o advogado da mãe da artista, Lynne Spears, endossou a alegação.

(Vimos em Hugo Gloss)








Compartilhe!