Acne adulta: 5 alimentos que devem ser evitados por quem tem pele oleosa



A acne adulta é um dos problemas mais comuns na pele. E, mesmo que a incidência seja muito maior em adolescentes, a condição caracterizada pela obstrução dos poros por oleosidade ou células mortas também é muito frequente em adultos, tanto homens quanto mulheres.

Especialista explica por que chocolate, fritura, pães, carne vermelha, leite e derivados favorecem o surgimento de inflamações na pele. (Foto: iStock)

De acordo com dados divulgados pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) em 2015,  cerca de 56,4% da população brasileira apresenta o problema. Para o pesquisador em cosmetologia, farmacêutico e diretor científico da Consulfarma, Lucas Portilho, as causas para o seu surgimento variam.

Por que os chocolates branco e ao leite fazem mal para o tratamento de acne?

“O que desencadeia, geralmente, pode ser a herança genética, alterações hormonais ou disfunções psicológicas. Mas o que ingerimos afeta o organismo como um todo, por isso a alimentação é um dos fatores de grande influência”, explica. Por isso, ele listou 5 alimentos que devem ser evitados na dieta por favorecerem o aparecimento de inflamações dos poros.

5 alimentos que devem ser evitados por favorecer o surgimento de acne

  1. Pães, massas e biscoitos

“Alimentos feitos com farinha branca são alguns um dos principais causadores de quadros acneicos. Isso porque ela é rica em carboidratos simples, que aumentam a produção de insulina que, por sua vez, favorece a produção de hormônios capazes de fazer a pele secretar muito óleo e sebo pelos poros.”

  1. Frituras

“Alimentos gordurosos no geral favorecem muito o surgimento da acne, porque estimulam a produção de gordura nas glândulas sebáceas. Além disso, uma dieta mais gordurosa também aumenta a intensidade das inflamações na pele e vermelhidão.”

  1. Leite e derivados

“Alimentos derivados do leite também estão relacionados ao aparecimento da acne, pois, no leite, existem muitos hormônios que aumentam a oleosidade das glândulas sebáceas, favorecendo o surgimento de inflamações.”

Dieta mediterrânea ajuda pacientes com psoríase, aponta estudo






  1. Chocolate

“Apesar de o cacau ser rico em nutrientes que estimulam o organismo a produzir endorfinas e serotoninas responsáveis pelas sensações de bem-estar, outros componentes presentes no chocolate, como açúcar e leite, são prejudiciais para a saúde da pele, já que estimulam a produção de óleo.”

  1. Carne vermelha

“A carne vermelha conta com alta concentração de ômega 6, substância com efeitos no organismo que favorecem a inflamação. Além disso, esse tipo de carne costuma apresentar muita gordura saturada, que também prejudica a pele.”

Dieta low carb: cortar carboidrato pode não ser a melhor opção, diz estudo

Mas como substituir esses ingredientes na alimentação?

Para quem já sofre com a acne, o ideal é adotar uma alimentação equilibrada e rica em frutas, legumes, verduras e cereais integrais, além de proteínas magras, como peixes. Alguns nutrientes também ajudam na redução do quadro acneico, como o zinco, presente no alho e na castanha-do-pará.

“O consumo de vitaminas também é crucial para a redução das inflamações. Por isso, inclua na sua dieta vegetais de coloração verde-escuro, ricos em vitamina A; abacate e batata doce, que possuem vitamina B5, e frutas abundantes em vitamina C, como a laranja, a acerola e o limão”, recomenda o especialista. “Porém, além da alimentação, para tratar de fato a acne é necessário acompanhamento dermatológico. Afinal, a alimentação influencia, mas cada caso precisa de cuidados específicos”, finaliza.

Capuchinha: a flor que enfeita e também enriquece a sua refeição



(Vimos em fortissima.com.br)

Compartilhe!