Netflix faz acordo com Templo Satânico depois de processo milionário por ‘O Mundo Sombrio de Sabrina’



Resolução do babado! O Templo Satânico e a Netflix chegaram a um acordo, após a organização religiosa ter decidido processar a gigante do streaming e a Warner Bros numa ação de U$ 50 milhões. A instituição alegou que os produtores de ‘O Mundo Sombrio de Sabrina’ estão lucrando em cima de seu trabalho, pois a série mostra em quatro episódios uma estátua de Baphomet muito semelhante à criada pelo templo.

Cena da série “O Mundo Sombrio de Sabrina” (Reprodução/Netflix)

Em um comunicado divulgado nesta quarta-feira (21), o Templo Satânico disse que foi combinado com a Netflix, que a empresa irá reconhecer os elementos copiados da estátua nos créditos dos episódios já gravados. Além disso, há outros termos da resolução que não foram informados, por conta de uma cláusula de confidencialidade.

*Leia também:
— Atriz garante uma Sabrina “diferente” na segunda temporada da série da Netflix
— Bruxinha Sabrina quase foi a vilã de “Riverdale” antes de ganhar sua nova série; entenda por que não rolou!







Vale lembrar que, de acordo com o processo apresentado no início de novembro em Nova York, o templo criou sua própria estátua em 2013 e 2014, baseando-se em iconografia do século 19. Eles alegaram que a criação deles contém muitos elementos que a transformam em uma “expressão original”, e que por isso tem direitos autorais. O custo da tal estátua foi de cerca de U$ 100 mil. Quanto será que eles levaram nessa, hein?!

Tags:
NetFlix
O Mundo Sombrio de Sabrina
Sabrina Netflix
Templo Satânico





(Vimos em Hugo Gloss)

Compartilhe!