Médico diz: farinha “seca barriga e expulsa cocô” funciona, mas versão caseira é melhor



farinha amendoa 0918 400x800
Diana Taliun/shutterstock

Em uma visita rápida a qualquer supermercado, é possível encontrar nas prateleiras uma grande variedade de farinhas "seca barriga", que prometem eliminar medidas e ajudar no processo de emagrecimento. Mas será que os produtos do gênero funcionam de verdade?

Em seu canal no YouTube, o médico ortomolecular e cirurgião vascular Dr. Dayan Siebra explica que as farinhas que secam barriga e “expulsam o cocô” realmente funcionam porque possuem ingredientes que melhoram o funcionamento do intestino e reduzem o tamanho do abdômen ao eliminar gases, favorecendo a perda de peso e de medidas.

Como fazer e consumir farinha que seca barriga

farinha de maracuja para emagrecer 3
Thinkstock






O médico, no entanto, afirma que uma versão caseira da farinha pode ser muito mais eficiente, principalmente quando produzida com a orientação de um nutricionista.

Segundo o profissional, os produtos do gênero encontrados nos mercados podem abrigar ingredientes que nem sempre são tolerados pelo seu organismo ou promovem o efeito que você, particularmente, precisa.

linhaca alimento fibras 0218 400x800
Bvlena/shutterstock

Para fazer em casa sua farinha seca barriga, o médico sugere uma mistura de farinha de maracujá, gengibre, canela, linhaça e chia, alimentos que, juntos, promovem saciedade, bom funcionamento do intestino e aceleração do metabolismo com a inclusão de opções termogênicas.

O ideal, no entanto, é consultar um nutricionista para que seja elaborada uma receita individualizada.

Na hora de consumir a farinha, o especialista indica polvilhar 1 colher de sopa nas principais refeições – café da manhã, almoço e jantar. A ingestão regular da farinha deve ser acompanhada por uma boa hidratação. Sem beber água o suficiente, as fibras presentes no alimento podem causar constipação e resultar tem efeito contrário ao desejado.

Como perder barriga de forma saudável






(Visto em Vix)

Compartilhe!