Direto de O Outro Lado do Paraíso: Fabiana e Renato entram com processo para permitir Clara na miséria



Direto de O Outro Lado do Paraíso: Fabiana e Renato entram com processo para deixar Clara na miséria

Além de recuperar a herança de Beatriz, a dupla do mal quer ver a mocinha na cadeia

Jorge Luiz Brasil

O casal acha que vai botar as mãos na fortuna de Clara | <i>Crédito: Divulgação
O casal acha que vai botar as mãos na fortuna de Clara |
Crédito: Divulgação

Disposta a tirar todo o dinheiro de Clara (Bianca Bin) e deixá-la sem um tostão, Fabiana (Fernanda Rodrigues) também quer ver sua ex-empregada na cadeia, acusada de roubo. No capítulo de hoje (sexta 30), de O Outro Lado do Paraíso, ela e Renato (Rafael Cardoso) procuram um grande advogado de Palmas chamado Orestes e conta que é a única herdeira da avó, Beatriz (Nathalia Timberg), já que seus pais morreram quando ainda era menina.  Cínica, chega a chorar ao relatar a morte da senhora internada em um hospício. "Lamentavelmente, perdeu a noção das coisas e fui obrigada a interditá-la", mente a safada.  "Tive muitos revezes financeiros. Verifiquei, com a ajuda do meu contador, antigos recibos de meus avós do tempo que meu avô era vivo. Tive a surpresa de descobrir que há muito tempo ele havia comprado três telas,  de grandes pintores. Telas tão valiosas que não me lembro de terem sido expostas", revela Fabiana.  Renato completa que Clara vendeu as pinturas no mercado internacional e eles conseguiram provas disso. "Temos uma excelente causa", diz o advogado.  "Quais são minhas possibilidades?", pergunta a falida. "Todas. Pelo que entendi, sua avó doou as telas para a Clara quando estava interditada", comenta Orestes.







Animado, Renato completa: "Exatamente. A Clara diz que as telas foram doadas. Mas não vi nenhum documento de doação". E Orestes completa: "Se houver, pode ser contestado. Essa mulher entrou na sua casa, pegou as telas que estavam escondidas em seu closet e sumiu. Vendeu para uma galeria no exterior por um preço milionário. Isso é roubo!" O casal avisa que faz questão de ver Clara acusada de roubo e de que seus bens sejam bloqueados. "Eu preciso provar que a Clara está gastando demais, ou aplicando dinheiro em negócios de futuro duvidoso. Se tiver provas disso,  entro com uma liminar para bloquear os bens dela. Há alguma evidência disso?", pergunta o profissional. "Talvez. Alguma coisa já tenho em mãos. Mas posso descobrir mais", responde o gostosão.  "Espero por vocês então. Depois entramos com a força toda. O seu caso não tem segredo. É causa ganha", acredita Orestes. "Sinto até dó da Clara. Coitadinha. Quero vê-la na cadeia também", debocha Fabiana, dando gargalhadas sem seguida.















(Vimos em Minha Novela)

Compartilhe!